Que alternativas para o Alentejo?

Ventura, M.R., M.L.S. Carvalho (1989), "Que alternativas para o Alentejo?", Pastagens e Forragens, 10, 535-547.
Abstract:

Apesar de já passados quase 4 anos após a assinatura do Tratado de adesão às Comunidades Europeias (12 de Junho de 1985), a Agricultura Portuguesa, continua com a mais baixa produtividade da Europa e incapaz de responder à procura do próprio mercado.
O aumento da produtividade e consequente competitividade das explorações agrícolas passa necessariamente pela modernização da agricultura que vai ser fortemente influenciada pela aplicação progressiva da Politica Agrícola Comum (PAC) em Portugal, da forma como esta evoluir e do tipo de estratégia de desenvolvimento global e agrícola a ser adoptado em Portugal nos próximos 10 anos nomeadamente na escolha de diferentes alternativas de produção.
Com esta comunicação, pretende-se contribuir de alguma forma para a análise da realidade agrícola Alentejana, de modo a que se possam propor soluções alternativas ao actual quadro agrícola, face à perspectiva de evolução dos preços comunitários na próxima década.